Orgulho de ser de direita

No mundo das palavras, uma delas causa estupor. É o fato de algumas pessoas proclamarem, com orgulho, que são de direita. Algo que  nunca na história do país foi percebido. No geral, quem era de direita, mantinha silêncio sobre isso. Hoje não. Virou qualidade. Esse é um dos sintomas do bolsonarismo. Essa é a temática  do comentário semanal do sociólogo e professor da    UFJF, Gilberto  Felisberto Vasconcellos, veiculado no programa Campo   de  Peixe, da   Rádio Campeche, conduzido pela jornalista Elaine Tavares.   (09.10)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *