A greve dos municipários tem início imediato

Aprovada a greve por tempo indeterminado dos trabalhadores do serviço público municipal de Florianópolis. Em assembleia no dia 11/04 os trabalhadores aprovam a paralisação de todos os serviços até que o prefeito Gean retire o projeto de Organização Social em Florianópolis, protocolado na última sexta (6/4).
O projeto, que tramita em caráter de urgência urgentíssima na Câmara de Vereadores, prevê a implantação de Organizações Sociais no controle de serviços públicos na capital. O modelo já experimentado noutras cidades e no estado, é um desastre no atendimento e abre brecha para desvios do dinheiro público com recorrentes denúncias de irregularidades e fraudes.
A categoria em unidade e na presença de 5 mil  trabalhadores da rede delibera por greve até que o prefeito retire o projeto! Para avisar da paralisação, os trabalhadores seguem agora até o gabinete do prefeito para avisar Gean que a categoria não vai dar arrego e vai continuar na defesa dos direitos e do serviço público.
Confira a entrevista com Bruno Zilioto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *